segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Romã: a fruta que entre outras coisas combate os “pneuzinhos”

Romã: a fruta que entre outras coisas combate os “pneuzinhos”

Punica Granatum é o nome científico dado à romã, fruto que veio da antiga Pérsia. 
Foram encontrados restos desta fruta em vários túmulos egípcios com mais de quatro mil anos.
Muitas lendas e tradições estão ligadas a esta fruta considerada como símbolo de riqueza e prosperidade. Diz-se que guardar algumas sementes na carteira atrai dinheiro.

Mas quais as qualidades desta fruta exótica?

  • É antioxidante
  • Mineralizante
  • Refrescante
  • Aumenta a longevidade (poderoso antienvelhecimento), combate as rugas.
  • Combate as doenças cardíacas
  • Combate a febre
  • Combate as enxaquecas
  • É anti-inflamatória
  • Rica em potássio, cálcio, ferro, fósforo, magnésio e sódio
  • Possui vitamina A, tanino, vitaminas do complexo B, vitamina C
  • Possui ácido elágico (inibe as células cancerígenas)
  • Reduz o colesterol
  • Excelente como tratamento de acne
  • Alivia o stresse, melhora o humor e a memória.
  • Reduz os efeitos da placa bacteriana e protege contra várias doenças orais.
  • Ajuda a manter o fluxo sanguíneo saudável.
  • Reduz a possibilidade de desenvolver Alzheimer
  • Ótima para a diarreia, úlceras e flatulência.
  • Previne as hemorroidas

De que forma a romã combate os “pneuzinhos”?

A romã é riquíssima em catequinas, potente fitonutriente capaz de neutralizar os radicais livres. Um desses fitoquímicos é o Beta sitosterol que ajuda a diminuir os efeitos do cortisol (hormona que provoca a gordura abdominal). Assim, vai reduzir a celulite porque combate a inflamação das células, melhora a circulação e por conseguinte reduz os buracos inestéticos que aparecem nas coxas e nos glúteos.
Ao desintoxicar o fígado, estimula o metabolismo queimando gordura e facilitando a perda de peso.


Como escolher as romãs:

As melhores são as maiores e as mais pesadas.
Dizem que as melhores do mundo são as do Afeganistão com mais de 10 cm de diâmetro e de cor vermelho vivo.

Deve comê-las frescas e cruas
Como na casca estão alguns polifenóis, faça sumo de romã com um pouco da casca.

A melhor altura para comprar romãs é entre outubro e dezembro (altura em que têm melhor cor, sabor e aroma).



Sem comentários:

Enviar um comentário